Novidades

Neste quadro você poderá ficar sabendo das novidades da Ortodontia e Ortopedia Facial através de perguntas e respostas. Envie a sua dúvida e a resposta será enviada a você e postada neste espaço.
 
- O que é a gengivite?
 
A gengivite ainda é um problema bucal muito comum e que pode ser evitado por meio da escovação correta.
A gengivite é o primeiro estágio da inflamação gengival causada como uma reação inflamatória frente à presença da placa bacteriana. Um leve sangramento já ocorre nos estágios iniciais, principalmente durante a higiene oral. Este sangramento é um excelente sinal para que se procure o auxílio e a orientação de um cirurgião-dentista especializado no assunto. No estágio de gengivite os danos podem ser totalmente revertidos com a correta orientação e pela simples utilização de produtos adequados a higiene oral.
 
- Quando da necessidade de tratamento, quais os benefícios além da estética?
 
A função principal do tratamento ortodôntico é restabelecer a oclusão dentária (perfeito encaixe dos dentes superiores e inferiores), que é fundamental para a correta mastigação e, consequentemente, adequada nutrição e saúde bucal. Com o restabelecimento da oclusão, evitam-se problemas de respiração, deglutição, fala e da articulação temporomandibular.
 
- Os dentes podem sair da posição depois que o aparelho fixo é removido? Eu vou precisar de aparelho removível?
 
No momento em que paciente e ortodontista concordam que o resultado final foi alcançado, o aparelho fixo é removido e substituído pela placa de contenção (na arcada superior), que deverá ser usada de acordo com as recomendações dadas. Ela vai manter os dentes na posição correta. Se algum tempo depois ela não se adapta normalmente à sua boca, é por que alguma coisa saiu do lugar, certo? Nesta situação, o paciente vai entrar em contato com o ortodontista e marcar uma consulta o mais rápido possível para diagnosticar a causa do problema. Mas é importante destacar que a estabilidade do resultado é garantida com o uso correto da placa de contenção.
A contenção inferior é fixa e colada por trás dos dentes de canino à canino, mantendo os dentes firmes na posição já que esta área é bem mais instável que a superior.
Também é muito importante nesta fase de contenção fazer retornos de acordo com a orientação do ortodontista para monitorar a estabilidade do caso e evitar surpresas desagradáveis como dentes saindo da posição.
 
- Qual a idade certa para se procurar um Ortodontista?
 
Não existe uma idade certa para isso (crianças, adultos e idosos). Em geral,  seria pertinente fazer uma avaliação preventivamente aos 7 até 10 anos de idade.Pois nessa fase é justamente o momento mais importante da dentição, onde se iniciará a fase de troca de dentes (Dentição Mista), e onde o Ortodontista poderá fazer uma previsão de como ficará seus dentes na fase adulta. Ou seja, toda intervenção nessa fase terá um resultado bem melhor, e menos traumático do que na fase adulta (depois do nascimento de todos os dentes).
 
- Os aparelhos ortodônticos causam manchas ou cáries nos dentes?
 
Normalmente não. Estes problemas só ocorrem nos pacientes que negligenciam a higiene bucal durante o tratamento.
Todos os pacientes deveriam receber instruções específicas sobre como fazer a limpeza dos dentes e do aparelho, além de serem orientados a manterem uma alimentação adequada durante o tratamento ortodôntico.
Atualmente existem materiais que previnem as cáries, como as resinas utilizadas para fixar os acessórios ortodônticos(como as bandas por exemplo) elas já vêm com flúor incorporado em sua fórmula, o que previne a descalcificação do esmalte dentário.
 
- É verdade que se eu tiver consultas a cada quinze dias o tratamento avança mais rápido do que se as consultas forem mensais?
 
Ao movimentar os dentes, precisamos respeitar os limites biológicos para evitar lesões nas raízes. Se a solução fosse diminuir os intervalos entre as consultas, todos os ortodontistas estariam terminando seus casos em um ano ou menos. O importante é obter o resultado dentro do prazo proposto no início do tratamento e que este resultado tenha estabilidade. Consultas quinzenais ou mensais vão variar de acordo com o ortodontista, com o problema de cada paciente e com a situação em que o tratamento se encontra.
 
- O que é a Ortodontia e Ortopedia Facial?
 
Ortodontia e Ortopedia Facial é uma especialidade da odontologia que lida com o diagnóstico e tratamento do mal posicionamento dentário e das alterações faciais causadas por alterações nos ossos maxilares, objetivando o restabelecimento da estética facial e função mastigatória. A Ortopedia Facial procura normalizar a relação entre os ossos da face, e portanto somente pode ser empregada em pacientes que estejam em crescimento. A Ortodontia lida com a movimentação dos dentes e pode ser empregada em qualquer idade.
 
Veja exemplos de aparelhos ortodônticos e ortopédicos faciais no quadro "Aparelhos".
 
- Qual o tempo médio de um tratamento ortodôntico?
 
O tratamento ortodôntico normalmente apresenta duração média de 18 a 36 meses. Em alguns casos ele poderá terminar antes e em outros poderá levar mais tempo do que o previsto inicialmente para a finalização. O tempo total de tratamento depende da severidade da má oclusão original, do tipo de tratamento envolvido e da cooperação do paciente. A realização de um diagnóstico individual e detalhado de cada caso pelo ortodontista permite prever com bastante eficácia o tempo aproximado do tratamento. Este tempo previsto de tratamento não inclui o período de contenção posterior, que pode variar também dependendo do tratamento que foi realizado.
Dr. André Martins - Ortodontia e Ortopedia Facial © 2016